domingo, 19 de abril de 2015

Metralhadora é devolvida para o comando da PM

O subcomandante da Polícia Militar, Coronel Raimundo Sá, confirmou no início da tarde  deste domingo(19 de abri) que finalmente apareceu a tão comentada metralhadora da instituição que tinha desaparecido no feriadão da semana santa.


Agora a pouco foi dito nas redes sociais como a metralhadora foi devolvida. Vamos apresentar estas informações repassadas pelo comando da PM no Maranhão.  Leia na integra e sem corte o que disse o Coronel Raimundo Sá.

Foi recuperada a metralhada famae 30mm, extraviada na rotatória do bacanga por integrantes da Cprv, que o sr Francisco, ligou para o 190 e falou com o coordenador do CIOPS, cap Santos, passando que seu filho Ielton , 27 anos, achou a arma na rotatória do bacanga e a guardou, sendo que ontem falou para a mae e esta o chamou relatando o ocorrido e Sr. Francisco, que de imediato tratou de providenciar a devolução,  que o CIOPS acionou a CPU do 1BPM, ST Washington e i Sd Atila, deslocaram a Avenida dos Portugueses, Euxo Itaqui Bacanga,  Que foram conduzidos para o Comando Geral da pmma e entregues para o superior de. Dia maj passos, para tomar a termo a declaração, tendo em vista, que está sendo apurado o fato em IPM.

Agora deve ser feita um perícia na arma.

sábado, 18 de abril de 2015

Resgate de presos: ADEPOL defende Roberto Larrat

A ADEPOL MA REPUDIA acusações levianas, contra o Senhor Delegado de Polícia Civil ROBERTO MAURO SILVA, reiterando sua mais absoluta confiança na honradez, competência e profissionalismo do delegado.

DIVULGAÇÃO/CIOPS

DIVULGAÇÃO/CIOPS

AAssociação dos Delegados de Polícia Civil do Maranhão ADEPOL MA, vem a público manifestar total e irrestrito apoio, solidariedade e confiança no atual Assessor de Inteligência do Sistema Penitenciário da Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária, o Exmo. Sr. Delegado de Polícia Civil ROBERTO MAURO SILVA LARRAT, ao tempo em que ESCLARECE E DESAGRAVA as inverídicas e infundadas imputações tornadas escandalosamente públicas por suspeitas “fontes jornalísticas”, por serem atentatórias à verdade e a imagem de um profissional sério e capacitado.

Sinteticamente o que foi levianamente divulgado em blogs de grande audiência no Estado foi à afirmação que no episódio relacionado ao resgate de quatro criminosos do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pedrinhas, ocorrido na madrugada do Domingo de Páscoa 05.04.2015, a ordem para que homens do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Maranhão se retirassem das proximidades do Complexo Penitenciário de Pedrinhas teria partido do Assessor de Inteligência do Sistema Penitenciário.

Inicialmente, é necessário fazer um esclarecimento sobre Inteligência. Esta é, sucintamente, a aptidão de sistematicamente coletar dados e informações e deles produzir conhecimento.

Na esfera administrativa, especialmente nas sensíveis e estratégicas atividades de Polícia Judiciária e penitenciárias, todo ato decisório deve ser sustentado por fatos calcados em subsídios oportunos e os mais seguros e amplos possíveis. A certeza absoluta é uma condição rara de ser obtida, sendo o mais comum que decisões venham a ser tomadas em ambientes de risco. Isto leva a que a atividade de inteligência tenha como meta a constante busca da verdade, visando obter o maior conhecimento e precisão possíveis. Esse é o trabalho do operador de inteligência, que gera os seguintes tipos de conhecimentos: Informe, Informação, Apreciação e Estimativa.

Ocorre que obtido o conhecimento, este dever ser transmitido ao destinatário, ou seja, o agente político ou operacional que possui a capacidade executiva de implementar as ações adequadas. Disso resulta que o agente de inteligência não possui capacidade decisória e nem de execução ou operacionalização das medidas cabíveis.

Sem enveredar por maiores detalhes que possam prejudicar a apuração pela Polícia Judiciária Civil do que efetivamente ocorreu no episódio em tela, a ADEPOL MA esclarece que:

I – apreciando as informações levadas ao seu conhecimento, o Assessor de Inteligência do Sistema Penitenciário, Delegado de Polícia CivilROBERTO MAURO SILVA LARRAT realizou, em tempo hábil, todas as comunicações devidas aos destinatários e agentes operacionais a quem as informações deveriam ser direcionadas;

  

II – como Assessor de Inteligência da SEJAP o Delegado de Polícia Civil ROBERTO MAURO SILVA LARRAT tem a função de prevenção de incidentes no âmbito penitenciário para assessorar o secretário e demais setores com poder de tomada de decisões, sem hierarquia, ascensão ou poder de determinação sobre qualquer deles ou sobre órgãos e setores estranhos à SEJAP, como o Batalhão de Choque ou quaisquer outras unidades da Policia Militar do Estado do Maranhão.

III – neste caso percebe-se claramente que agentes e/ou setores, com o intuito eximir-se de sua responsabilidade, utilizam-se de órgãos da mídia social como meio de disseminação de inverdades, criando um factoide com o propósito de ocultar seu imobilismo e inação.

Ressaltamos que, ao tempo em que prezamos pela liberdade de expressão e opinião como um princípio elementar da sociedade democrática, exigimos em que estas sejam exercidas com responsabilidade, profissionalismo e ética. A disseminação leviana em mídias sociais de notas que possam macular a honra e a imagem das pessoas sem a devida verificação de sua procedência ou mesmo uma consulta ao sujeito é algo temerário e digno de reprovação e, no tocante aos nossos associados, de reparação.

ADEPOL MA reitera sua mais absoluta confiança na honradez, competência e profissionalismo do Exmo. Sr. Delegado de Polícia Civil ROBERTO MAURO SILVA LARRAT, oportunidade em que REPUDIA acusações levianas, injustas e inverídicas que falsamente foram disseminadas em setores de mídia social, acrescentando que vai buscar por todos os meios jurídicos cabíveis a reparação do prejuízo causado a sua imagem e reputação.

Marconi Chaves Lima

Presidente da ADEPOL

Obras de saneamento na capital

Prefeitura realiza obras de saneamento e sustentabilidade na região Itaqui-Bacanga

Até o final deste ano, sete obras realizadas nas margens direita e esquerda da bacia do Rio das Bicas e na região do Itaqui Bacanga vão colocar São Luís na dianteira das cidades que equacionam problemas ambientais gerados pela ocupação desordenada. Seis das sete obras realizadas pela Prefeitura de São Luís estão sendo supervisionadas pela Secretaria Municipal de Projetos Especiais (Sempe).

Quatro destas obras estão em andamento no Programa da Bacia do Rio das Bicas, com financiamento garantido pelo Banco Mundial. As outras três serão desenvolvidas em bairros da margem esquerda do Rio das Bicas e nos bairros Sá Viana e Vila Embratel. Nestes dois últimos, serão desenvolvidos projetos de urbanização no valor de R$ 3 milhões.

No Anjo da Guarda, na região do Itaqui-Bacanga, será realizada a obra de grande repercussão ambiental na cidade. Com volume de recursos previstos de R$ 40 milhões, a Prefeitura de São Luís contribuirá para o salto qualitativo na vida dos moradores do bairro e das adjacências, com a implantação da rede de esgotamento sanitário.

Na margem esquerda do Rio da Bicas, uma das obras já está em andamento: os canais de drenagem do Jambeiro, com financiamento do governo federal. Até julho deste ano, a Prefeitura lançará mais duas obras na região: a primeira teve o processo licitatório concluído esta semana, dando início à assinatura de contrato. São obras de urbanização e paisagismo no Sá Viana, financiado pelo Bird.

Na semana passada, técnicos do Bird estiveram mais uma vez em São Luís para fiscalizar, acompanhar e apresentar sugestões das obras em andamento nos bairros do Coroado, Coroadinho e Salinas do Sacavém, todos localizados na margem direita da bacia do Rio das Bicas. Esta rotina tem se repetido de três em três meses pelas equipes do banco. No final do mês, uma equipe virá especificamente para verificar as ações sociais e, em seguida, será a vez dos técnicos da área ambiental.

Além das visitas rotineiras, a Prefeitura de São Luís tem recebido missões do Banco Mundial. Na ocasião da visita, tudo é devidamente analisado: aspectos jurídicos, de contratação, do desempenho financeiro, projeto, obras, questões ambientais e sociais. Em janeiro, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior recebeu uma destas missões do Bird.

Seis das sete obras realizadas pela Prefeitura de São Luís estão sendo supervisionadas pela Secretaria Municipal de Projetos Especiais

OUTRA MARGEM
Na outra margem, a Secretaria resolve problemas habitacionais por etapa. Ao todo, 108 famílias que antes ocupavam áreas de risco e foram remanejadas para unidades habitacionais do residencial Piancó. "Fizemos um movimento junto à Caixa para que essas famílias tivessem prioridade, pois havia famílias cadastradas e o projeto estava em execução. Não tínhamos como reservar mais unidades e diante do prazo exíguo procedemos com a ação, tendo sucesso ao final", afirma o secretário municipal de Projetos Especiais, Gustavo Marques. Em uma estimativa conservadora, Marques acredita assentar cerca de 400 famílias.
Para o secretário da Sempe, Gustavo Marques, o que está sendo feito é por determinação do prefeito que tem compromisso com a sociedade. "Nossa equipe está empenhada no compromisso assumido pelo prefeito", explica Marques.


Obras que mudarão a paisagem do Bacanga e Rio das Bicas

1-Parque Urbano do Rio das Bicas
Valor: R$ 5,6 milhões
Previsão de conclusão: outubro de 2015

2- Construção de 33 unidades habitacionais
Valor: R$ 4,1 milhões
Previsão de conclusão: outubro de 2015

3 - Macrodrenagem do canal do Rio das Bicas
Valor: R$ 21 milhões
Previsão de conclusão: julho de 2015

4 - Praça do Ceu
Valor: R$ 3,7 milhões
Previsão de conclusão: julho de 2015

5 - Canais de Macrodrenagem: Jambeiro, Sá Viana e Piancó
Valor: R$ R$ 2.246.695,48
Previsão de conclusão: julho de 2015


6 - Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário do Bacanga - SES
Valor: R$ 42.156.652,68
Previsão de conclusão: janeiro/2016


7 - Revitalização da orla do Lago Bacanga no Sá Viana
Valor: R$ 9.500.000,00
Previsão de conclusão: dezembro/2015


sexta-feira, 17 de abril de 2015

Caema passa a integrar a estrutura da Secid

Por decisão do governador Flávio Dino, a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) passa a integrar a Secretaria de Estado de Cidades e Desenvolvimento Humano (Secid). Antes vinculada à Secretaria de Estado de Saúde (SES), a Companhia é responsável pela promoção do saneamento ambiental, no abastecimento de água e no esgotamento sanitário. A medida pretende fortalecer o contato com o Ministério das Cidades, de onde são oriundos os principais recursos para as ações de saneamento no estado.


 

Segundo o diretor-presidente da Caema, Davi Telles, esta ação é uma proposta planejada pelo governador Flávio Dino, no intuito de criar maiores condições orçamentárias e reformulação de objetivos para seleção de programas de ação e investimentos que garantam melhoria na prestação de serviços da Companhia.

 

“Todo o saneamento no Brasil está veiculado ao sistema das Cidades. As linhas de financiamento para o setor são provenientes do Ministério das Cidades, principalmente, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Entendemos que essa transferência é natural e esperada. Não tinha sentido a Caema continuar vinculada à Secretaria de Estado de Saúde já que a maior parte dos recursos para o Saneamento no Brasil está no Ministério das Cidades”, explica Telles.

 

O diretor presidente acrescenta que a vinculação à Secid irá facilitar a captação de recursos para investimentos em políticas públicas de saneamento e melhorar ainda mais a qualidade de vida da população atendida pela Caema.

 

A secretária de Estado de Cidades e Desenvolvimento Humano, Flávia Alexandrina Coelho Almeida Moreira, tomou posse como presidente do Conselho de Administração da Caema e do Conselho Estadual de Saneamento, que passa também a ser vinculado à Secid. “O vínculo da secretária Flávia Alexandrina com o setor vai ajudar significativamente o saneamento no Maranhão”, disse Davi Telles.


Prefeitura segue alinhamento do governo federal e prorroga matrículas do Projovem Urbano

consonância com as diretrizes do governo federal, prorrogou para o dia 23 de maio o período de inscrições para o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem Urbano). O programa é voltado para jovens de 18 a 29 anos que já saibam ler e escrever, mas que ainda não concluíram o Ensino Fundamental.

Além da conclusão dessa etapa da escolaridade, o Projovem Urbano oferece, junto com as aulas, cursos de iniciação profissional com certificado, aulas de informática e uma bolsa-auxílio de R$ 100 por mês. Quem já possui filhos e deseja participar do programa também tem a opção de uma sala de acolhimento - um espaço organizado próximo à sala de aula dos pais, com uma equipe de pedagogos que realizam atividades lúdicas e pedagógicas com as crianças, que também terão direito à merenda escolar nesse horário.

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, frisou que o novo aumento do prazo de inscrição dará oportunidade a mais jovens para ampliar sua escolaridade. "É um programa que tem todo o apoio do prefeito Edivaldo, porque reflete uma das principais determinações desta gestão: garantir a elevação da escolaridade em todos os segmentos da nossa cidade. Nosso desejo é que mais e mais jovens possam estudar, qualificar-se profissionalmente e assim ampliar suas possibilidades de emprego e renda", disse o secretário.

INSCRIÇÕES

Participam do programa 21 Unidades de Educação Básica da rede escolar de São Luís. As inscrições podem ser feitas em nas escolas conveniadas ao programa ou ainda na sede da Superintendência de Educação de Jovens e Adultos (Centro).

Para se inscrever, é necessário apresentar carteira de identidade, Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O histórico escolar é desejável, mas não obrigatório. Se o participante do programa não tiver o histórico, será realizado um teste simples, no ato da matrícula, para aferir o grau de escolaridade.

Para esta edição do Projovem Urbano, estão disponíveis cursos de iniciação profissional no arcos ocupacionais de Construção e Reparos II, Serviços Pessoais e Telemática. O primeiro garante qualificação profissional nas áreas de eletricista de instalações, trabalhador da manutenção de edificações, instalador e reparador de linhas e aparelhos de telecomunicações, bem como instalador de sistemas de telecomunicações.

Já os jovens que optarem por Serviços Pessoais serão qualificados para o trabalho de depilador, cabeleireiro, maquiador, manicure e pedicure. Aqueles que escolherem o arco ocupacional Telemática receberão qualificação profissional para atuar como helpdesk e operador de microcomputador, assistente de vendas e telemarketing. Mais informações estão disponíveis pelo telefone 3212 8218.

Pontos de matrícula nas Unidades de Educação Básica

- Roseno de Jesus Mendes (Vila Janaína);

- Tancredo Neves (Cidade Operária);

- Cidade Olímpica (Cidade Olímpica);

- Alberto Pinheiro (Centro);

- Monsenhor Frederico Chaves (São Francisco);

- Olinda Desterro (Vicente Fialho);

- Rubem Almeida (Coroadinho);

- Newton Neves (Vila Palmeira);

- Ministro Mário Andreazza (Liberdade);

- Profª Rosália Freire (Vila Izabel);

- João de Souza Guimarães (Divineia);

- Luzenir Mata Roma (Maracanã);

- Darcy Ribeiro (Sacavém);

- Carlos Madeira (Anjo da Guarda);

- Miguel Lins (Alemanha);

- Ribamar Bogéa (Cidade Olímpica);

- Rivanda Berenice Braga (Barreto);

- Rubem Teixeira Goulart (Cohab);

- Menino Jesus de Praga (Planalto Vinhais II);

- Gomes de Sousa (Vila Maranhão);

- Galileu Clementino (Vila Vitória).

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Prefeito Edivaldo garante reajuste de 8% a servidores públicos municipais

A Prefeitura de São Luís garantiu reajuste de 8% aos servidores públicos municipais. O percentual, assegurado pelo prefeito Edivaldo, será pago retroativo a primeiro de fevereiro e implantado já no contracheque de abril, devendo estar na conta do servidor no final do mês. O aumento alcança os agentes comunitários de Saúde e de Endemias e os servidores da Coliseu.

"Nosso empenho é em direção à valorização do servidor público municipal. Temos honrado com nosso compromisso de regularidade do pagamento e buscamos ao máximo realizar as correções necessárias, enfatizando nosso total respeito ao funcionalismo público da Prefeitura de São Luís, e para proporcionar a eles mais qualidade de vida e dignidade no exercício do trabalho", disse o prefeito Edivaldo.

O secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan), José Cursino Moreira, disse que o aumento anunciado está sendo possível graças ao compromisso do prefeito Edivaldo com o servidor, mas acontece em meio às muitas dificuldades enfrentadas pela gestão municipal.

"Nós temos muitas dificuldades. Recebemos uma Prefeitura desequilibrada financeiramente, inclusive com a folha de pagamento atrasada. Estamos atravessando uma conjuntura de diminuição de receitas. Este ano então, com a previsão de crescimento negativo da economia, isso diminui as transferências que a gente recebe. No ano passado também o crescimento já foi muito baixo", observou o secretário.

Os aumentos concedidos pelo prefeito aos servidores ao longo do mandato, segundo Cursino, são superiores aos da inflação do período. O secretário informou que este ano o aumento está sendo pago retroativo ao mês de fevereiro e, no ano que vem, de acordo com o que foi negociado com os servidores, o aumento será antecipado para o mês de janeiro.

"Em uma atitude de muita coragem, o prefeito tem concedido o máximo de aumento que se pode dar. Estamos trabalhando no limite do que a Lei de Responsabilidade Fiscal prevê. Romper a lei traz muitos problemas, a gente poderia até deixar de receber recursos de transferência voluntária e de operação de empréstimo", observou o secretário de Planejamento.


MAGISTÉRIO
O percentual de aumento maior concedido aos professores, segundo explicou Cursino Moreira, se dar em razão da categoria ter um fundo de recurso específico que é o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Isso permite financiar um aumento diferenciado para a categoria.

"Não é uma diferença de tratamento da parte do prefeito, é uma possibilidade decorrente da especificidade da fonte de recursos deles, que é o Fundeb", esclareceu o secretário.

Com o aumento de 13,01% a Prefeitura repassou integralmente aos educadores o aumento divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) para a Lei do Piso Nacional dos Professores da Educação Básica, garantindo que o salário dos docentes se mantivesse acima do piso nacional.

Ainda como parte das ações de valorização dos profissionais da Educação, o benefício da aposentadoria foi garantido a 346 professores da rede municipal no mês de fevereiro. Uma articulação de diversas pastas da administração municipal - as secretarias municipais de Educação (Semed), Administração (Semad), Governo (Semgov), Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam) e da Procuradoria Geral do Município (PGM) - que promoveu a revisão e avaliação de todos os processos.

Preso com celular no ânus

O fato inusitado foi na unidade prisional de ressocialização do bairro do olho d'Água em São Luís do Maranhão. Marcos Aurélio Pereira(foto),  34 anos, foi flagrado com um celular no ânus. Segundo informações da polícia, esta foi a maneira que suspeito encontrou para entrar com o aparelho  no presídio.

Se deu mal porque os monitores e funcionários estavam atentos. O bip disparou na hora da revista. Marcos que é morador de Ribamar,  foi preso em flagrante. Foi o segundo caso no mesmo presidio em menos de um mês. Na delegacia do turu, o suspeito disse "que iria receber 200 reais do preso conhecido apenas  como irmão pestana". 

No 7º DP foi lavrado um TCO, Marcos, mesmo com o flagrante foi colocado em liberdade. Depois da prisão, o difícil foi encontrar alguém  para retirar o celular do ânus do suspeito. O caso está na polícia civil.

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Prefeitura dialoga com sindicato dos professores de São Luís

Prefeitura dialoga com sindicato dos professores de São Luís
A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Educação (Semed), reuniu-se nesta quarta-feira (15) com representantes do Sindicato dos Profissionais do Magistério da Rede Municipal de São Luís (Sindeducação). O diálogo foi conduzido pelo secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, e contou com a participação da presidente Elisabeth Castelo Branco e uma comissão de docentes das escolas da rede municipal.

Na pauta da reunião estavam a concessão dos direitos estatutários que serão garantidos aos educadores e também o processo de manutenção dos prédios escolares, que atualmente é realizado em 33 unidades de ensino. "Pactuamos uma mesa permanente de diálogo e temos feito intervenções nas escolas e buscado concretamente soluções para educação de São Luís", disse o secretário.

No mês de março de 2015, a Prefeitura de São Luís garantiu aos professores o percentual de reajuste de 13,01% aos mais de cinco mil profissionais do magistério municipal. Com a iniciativa, a Prefeitura repassou integralmente aos educadores o aumento divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) para a Lei do Piso Nacional dos Professores da Educação Básica, garantindo que o salário dos docentes se mantivesse acima do piso nacional.

Ainda como parte das ações de valorização dos profissionais da Educação, o benefício da aposentadoria foi garantido a 346 professores da rede municipal no mês de fevereiro. Uma articulação de diversas pastas da administração municipal - as secretarias municipais de Educação (Semed), Administração (Semad), Governo (Semgov), Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam) e da Procuradoria Geral do Município (PGM) - que promoveu a revisão e avaliação de todos os processos.

Raposa: nova manifestação pela votação dos embargos

Foi uma tarde inteira de protestos em frente à sede do Tribunal Regional Eleitoral no bairro da areinha, em São Luís.  Moradores do município de Raposa voltaram a interditar o trânsito na avenida Vitorino freire para exigir a votação dos embargos de declaração depois do processo que cassou o Prefeito Clodomir.

Uma conissão foi recebida pelo presidente do TRE, Desembargador Guerreiro JR. No fim da tarde, o Tribunal Regional confirmou votação para o dia 22 deste mês.

Leia nota do TRE..


O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão negou nesta quarta-feira, 15 de abril, que Thallyta Medeiros de Oliveira fosse admitida como assistente litisconsorcial no Recurso Eleitoral 697-31/12, conforme voto apresentado pela desembargadora eleitoral Alice Rocha, relatora de Agravo Regimental interposto no processo.

“A agravante alega ter sido admitida no processo apenas como assistente simples, quando deveria ser litisconsorcial. Ocorre que a decisão recorrida atingiu diretamente prefeito e vice de Raposa cassados por este TRE e indiretamente a própria Thallyta, razão pela qual ela deve ser considerada simples e não como deseja com este recurso”, explicou em sua decisão a relatora.  

Embargos de Declaração

Na próxima quarta-feira, 22 de abril, a desembargadora Alice Rocha levará a julgamento Embargos de Declaração também interpostos no RE-697-31/12.  

Semosp - Prefeitura prossegue com ações para revitalização do Centro Histórico

O Centro Histórico da capital maranhense vai ganhando nova vida com as intervenções que estão sendo empreendidas pela Prefeitura de São Luís, por intermédio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) e da Subprefeitura do Centro. A orientação do prefeito Edivaldo é que o trabalho seja desenvolvido em diversas frentes para assegurar melhor infraestrutura urbana, visual compatível com a cidade Patrimônio Histórico da Humanidade, além de bem-estar aos seus moradores e aos inúmeros turistas que anualmente visitam São Luís.
Entre as diversas ações que estão sendo realizadas pela administração municipal estão a recuperação de calçamento e praças, a intensificação do serviço de limpeza e a manutenção da rede de iluminação pública em um dos mais belos cartões postais de São Luís, que possui hoje um rico acervo arquitetônico da América Latina.
"Essas obras e serviços vão, sem dúvidas, revitalizar o nosso Centro Histórico criando uma nova e bela imagem da rica tradicional cultural e patrimonial de nossa gente. Essa é a determinação do prefeito Edivaldo, que zela pela cidade e pelo bem-estar da população", assinalou o titular da Semosp, Antônio Araújo.
Entre os pontos onde, nesta semana, estão sendo realizadas ações da Prefeitura de São Luís para a revitalização do calçamento do Centro Histórico estão o Beco Conan, Rua da Estrela, Rua 28 de Julho e Rua da Mangueira. As equipes da Semosp também estão recolocando as pedras portuguesas nas calçadas da Praça Benedito Leite.
Serviços de restauração de calçadas e calçamento já foram executados em pontos das Praças do Letrado e Catraeiros, Rua Giz, Rua do Comercio, Rua Portugal, Escadaria Humberto de Campos, além do entorno do Centro de Criatividade Odylo Costa, Filho e da Casa das Tulhas, a tradicional Feira da Praia Grande, entre outras.
"A Prefeitura de São Luís, o governo do Estado e a União, por meio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, estão unidos para ampliar essas intervenções que estão sendo concretizadas", assegurou o subprefeito do Centro, Fábio Henrique Carvalho, enfatizando novas parcerias previstas para área, todas voltadas para a melhoria da infraestrutura urbana, com o objetivo de recuperar e conservar o patrimônio e de fortalecer o turismo na região.
Fábio Henrique Carvalho narrou que, ao percorrer as ruas Centro Histórico, já se percebe uma dinamização em torno da área com o revigoramento do comércio no local, bem como a satisfação de todos com as intervenções que estão sendo feitas para a revitalização do Centro Histórico e todo o seu entorno.
As ações empreendidas pela Semosp para revitalização do Centro da cidade contam ainda com a intensificação da limpeza pública, com a incrementação do número de agentes que atuam nos serviços de varrição, catação, capina, roçagem e a regularidade da lavagem de alguns pontos, como praças e escadarias; e a manutenção da rede de iluminação pública, com a reposição de luminárias e postes danificados, a fim de contribuir com a segurança pública do cidadão e turista.
APROVAÇÃO
 
Socorro Sena, proprietária de um comércio localizado na Rua de 28 de julho, disse estar satisfeita com as obras e acredita em perspectivas melhores para ela e sua família com a revitalização que a Prefeitura está fazendo no Centro da capital. "Confiamos que as nossas vendas vão aumentar", afirmou.
Passeando pela área do Centro Histórico, as irmãs Maria e Isabel Lima declararam que sempre que podem vão apreciar a beleza do local e conversar com os amigos. "Com as obras concluídas, essa área vai ficar ainda mais bonita", disseram.
 

01DF6B10-FAEB-4251-8C70-04624D16B902


terça-feira, 14 de abril de 2015

Turismo e abandono

Na Por meio do blog, vamos tentar acordar nossas autoridades. Não justifica tanto abandono na cidade de Barreirinhas. Em uma visita rápida no fim de semana, foi possível fazer o registro de fotografias de algumas ruas esquecidas pelo poder público. Falta infraestrutura até
na avenida 31 de março, passagem de muita gente do lugar e acesso a várias pousadas.


Sobram reclamações, Barreirinhas precisa ser bem tratada pelas autoridades. Na semana Santa, a cidade estava lotada de turistas e o próprio povo do lugar merece ser respeitado. Falta manutenção de vias no período do verão, para evitar estas lagoas que provocam até interdições de ruas como mostramos por meio de fotografias.


Os registros revelam o abandono da rua 7 de setembro que foi interditada pela própria comunidade. Além da chateação da população, empreendedores e turistas, falam desta situação. Conversamos com alguns donos de restaurantes, moradores e garçons, muitas reclamações do descuido do setor de obras da Prefeitura.


Outro item negativo, a grande quantidade de animais abandonados em pleno centro da cidade, parece não ter controle.


O bom do lugar é a hospitalidade do povo e as belezas naturais abençoadas por todos os deuses. Maravilha, só depende do empenho, esforço e profissionalismo dos gestores para melhorar ainda mais o turismo em Barreirinhas.

Três assaltantes na cadeia

Foram apresentados agora a pouco na Delegacia de Roubos e Furtos de Veiculos(DRFV) do bairro da Vila Palmeira, em São Luís,  Rudinaldo Silva Penha, Paulo Ricardo Santos Reis da Silva e Paulo dos Santos.


Os três, segundo a polícia,  tinham acabado de praticar assalto em uma distribuidora de gás na região  do São Cristivão na capital maranhense.


Rudinaldo que tem defeito em uma das pernas foi reconhecido como um dos assaltantes que enfrentou policiais no fim de 2014 no bairro do Calhau em São Luís. 

Duas pistolas calibre 380 foram apreendidas pelos policiais. Investigadores da Superintendência da Capital e da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos, participaram do trabalho de investigação.

Repercute demissão de comentarista esportivo

Jovem Pan demite Claudio Carsughi que critica a emissora; 'postura de direita'

O comentarista esportivo Claudio Carsughi, 82 anos, foi demitido nesta segunda-feira (13) da rádio Jovem Pan de São Paulo, após mais de 50 anos de casa.

“A rádio está passando por uma mudança de perfil. Ela assumiu uma postura de direita, que nunca tinha tido. Sempre se ouvia os dois lados. Hoje tem uma posição frontalmente contrária ao PT, à Dilma, ao Lula. Talvez com isso espere o retorno publicitário com empresas do mesmo perfil", disse ao UOL Esporte, por Vagner Magalhães.

Segundo Carsughi, a demissão foi anunciada por Wanderley Nogueira, diretor de esportes da rádio. “Foi uma conversa franca. Ele me disse que estava muito chateado, sem jeito para dar a notícia, mas que o Tutinha (neto de Paulo Machado de Carvalho) tinha decidido demitir-me. São contingências da vida. Falam em redução de custos. Mas isso é relativo. Eu não tinha um ordenado nababesco. Para o orçamento da rádio não deve fazer muita diferença", diz ele.

Carsughi admite que nos últimos anos, a equipe esportiva, base da rádio ao lado do noticiário geral, vinha perdendo espaço. “Deixamos de fazer a Fórmula 1. As nossas equipes raramente se fazem presentes nos estádios. Quando estão, só aqui em São Paulo. Mesmo assim, muitas vezes vai só um repórter, para não pagar o técnico (de som)", diz. Fonte:blogdojoeljacinto.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Bandido invade casa de Coronel da PM do Maranhão

Agora lascou. Um bandido sozinho entrou na casa do Coronel Osório da Polícia Militar,  que fica no bairro do Olho d'Água em São Luís.  O fato já confirmado, aconteceu no início da tarde desta segunda-feira(13 de abril). 

Ninguém sabe precisar como o assaltante entrou na casa do oficial. O certo é que a empregada da casa foi trancada dentro de um dos quartos do imóvel. 

O Coronel é colecionador de armas, mesmo com um bom arsenal no local, o bandido só se interessou em levar várias munições ponto 40 e calibre 38.

Viaturas de muitas áreas da região metropolitana tentam localizar o suspeito,  que teria fugido em direção ao bairro do Araçagy.  O Coronel Osório até pouco tempo era Comandante do Policiamebto dos municípios da região tocantina.

Recentemente, bandidos levaram uma metralhadora da Policia Militar do Maranhão. Durante os primeiros meses do ano, vários militares já foram assaltados na ilha. Agora, o alvo foi a residência de um Oficial da PM Maranhense. O Serviço de Inteligência e a Polícia Civil, estão no caso.

Estavam tentando manter a informação  em sigilo. Por meio de uma fonte, o blog confirma que o fato aconteceu. Aguardamos apenas uma nota da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão sobre o assunto.

Governo e prefeitura certificam vendedores que trabalham nos estádios de São Luís

 O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), em parceria com a Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), certificou 55 vendedores que atuam nos estádios de São Luís, por meio do curso Boas Práticas de Manipulação de Alimentos (BPMA). O encerramento do curso ocorreu na última sexta-feira (10) e foi marcado pela confraternização e entrega de certificados aos participantes.

 

“A qualificação para esse público é de grande importância para a gestão estadual, pois representa melhor qualidade do trabalho e mais segurança à população no consumo dos alimentos vendidos. Este é um governo que se preocupa com as pessoas e trabalha para a melhoria da qualidade de vida do maranhense”, destacou o secretário estadual do Esporte e Lazer, Márcio Jardim, durante o encerramento.

 Nas aulas, os participantes foram orientados quanto ao recebimento, armazenamento e a manipulação dos alimentos de forma adequada e dentro das normas higiênico-sanitárias.

 

“Quem trabalha no comércio de alimentos, tanto em empresas quanto os vendedores informais, precisa ter esta capacitação e assim ter autorização para o trabalho. Com a capacitação, os vendedores cumprem a exigência da Vigilância Sanitária Municipal, que exige o curso aos manipuladores de alimentos”, explica a nutricionista da Semsa e coordenadora do curso, Valéria Moraes.

 

Romonilson Pereira, 46 anos, considerou positivo o aprendizado e uma ótima iniciativa. “Eu e meus funcionários vamos utilizar as orientações na rotina de trabalho e também no dia a dia. A gente já trabalha, mas é preciso sempre se qualificar porque o mercado exige sempre mais conhecimento”, pontuou o aluno.

 

Durante o curso os participantes receberam ainda um kit de equipamentos de proteção individual (EPI) contendo luvas, avental, máscaras e touca. Todos os participantes receberam certificado de conclusão do curso.

4D99B58D-BBF9-4A53-82D0-0A4B8734CDD6